Desenhista e seu Mercado!

1 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 1 Flares ×

Uma das grandes vantagens de um desenhista é porque o mercado está crescendo muito, e cresce cada vez mais. Sendo que também está faltando profissional. O que ele tem que fazer é conhecer o mercado em si, e como seguir este caminho.

Como sempre digo. Não se fala mal, ou se discuti com algo que não conhecemos, e isso é o maior erro das pessoas. Elas não conhecem o caminho e por isso falam mal, ou até mesmo gostam, mas tem medo de segui-lo. Vamos entender um pouco o caminho então?

 

O caminho de um desenhista!

caminho de um desenhistaPara ser desenhista é como qualquer profissão, você também tem que se dedicar e se esforçar da maneira certa, depois saber seguir em frente.

O advogado estudou se esforçou e depois soube seguir em frente. O que você deve fazer é igual. Um advogado ou qualquer outra profissão não aprendem do nada, e por incrível que pareça tem pessoas que acham que para aprender a desenhar ou seguir este caminho precisa nascer sabendo ou com dom (Não é bem assim).

Mais um bom exemplo, e de novo com um advogado (não tenho nada contra, só uso sempre advogado, pois fica fácil de entender). Quem escolheu ser um advogado achou que tinha um dom para isso? Óbvio que não, ele estudou, se esforçou…

Depois achas que os clientes começaram a brotar da terra? Não, ele correu atrás “conquistando” seus clientes. É a mesma coisa para um desenhista. O erro é esse, achar que é algo se nasce fazendo, ou que vai aprender a desenhar do nada, ou qualquer outra coisa do tipo. Imagina você se dedicando, sabendo a maneira certa de seguir em frente (que não é como você pensa e nem como outros falam).

 

O que um desenhista vende!

Produto e serviço são duas coisas diferentes. Um desenho não é um produto, quando uma pessoa começa a desenhar, e quer entrar neste caminho, um erro grande é achar que tem que vender a ilustração (vamos supor), como um produto.

desenhista vendeO desenho é como um serviço. Um advogado cobra como serviço. Mas é claro que você também tem que entender o que seria um serviço de um desenhista, e como cobrar. Você terá que fazer um orçamento.

Cada orçamento vai ser diferente, não existe uma tabela de preços, tem que calcular os custos, e o mais importante de tudo, seu tempo. Vamos dizer que você vai fazer uma ilustração para uma pequena empresa, e outra para uma empresa 10 vezes maior, tem gente que cobraria o mesmo preço.

Quando maior a empresa, maior a responsabilidade, você terá que fazer um estudo maior, terá mais reuniões, gastará mais gasolina e isso tudo conta. Tirando todo o tempo que você se preparou e estudou antes para conseguir elaborar aquele trabalho.

Dando um exemplo (desta vez com um médico e não com advogado). Vou a uma consulta normal, e ele cobra 200 reais para às vezes me atender em 10 minutos (Só um exemplo). Caro? Ele teve que estudar MUITO, perder muito tempo para conseguir chegar naqueles 10 minutos e identificar o que eu tenho (tirando a responsabilidade tremenda).

Fiz uma comparação bem forte mesmo para você entender bem do que estou falando.

Você também se dedicou para conseguir entender o que o cliente deseja (às vezes ele quer um cavalo, mas fala que quer uma ovelha, isso faz parte). E depois conseguir fazer aquele lindo trabalho para empresa dele…

Está gostando do post? Então fique ligado!

Aprenda a desenhar e Fique Atualizado!

Insira seu email para recerber o Mini Curso Aprenda
a Desenhar do Zero
e fique atualizado aqui no blog!

Também ODEIO SPAM, fique tranquilo!


 

Não para por ai, cobrar não é só isso, tem os direitos autorais!

Isso mesmo, continuando o assunto sobre como cobrar. Vou começar isso te dando mais um bom exemplo.

capinha-celularVamos supor que uma empresa de capinha de celular contratou você para fazer uma ilustração de uma capinha e cobras R$ 1.000,00 em cima do serviço, e ele faz 2000 unidades dela.

Mas um famoso compra a capinha e bate foto com ela, e só por causa disso a capinha estoura (todo mundo quer aquela linda capinha). A empresa faz mais 10 milhões de unidades e ganha milhões em cima da capinha que: “você cobrou mil reais para fazer”…

Pois é, dai você fica falando “ó, eu que fiz a capinha”, e o seu dinheiro, cadê?

Tens que se valorizar. O famoso só comprou a capinha e ela bombo, porque você estudou e se dedicou para fazer algo de qualidade. No fim a empresa ganha milhões, e R$ 1.000,00 foi nada para eles.

Não sei se você entende muito sobre direitos autorais, mas sabe quando alguém canta uma música na TV, e aparece o nome e o seu cantor embaixo? Então, uma parte do dinheiro que o programa está ganhando vai ir para o músico.

Por isso, você tem que saber cobrar pela sua obra, não como um produto ou um simples serviço. Você vai cobrar para fazer o serviço e pelos direitos dele (afinal, se der cagada também vai sobrar pra você).

Gostaria muito que você assistisse esses dois vídeos abaixo no qual o Ivan fala muito bem deste assunto. Expliquei bem uns assuntos, mas com o vídeo vai ajudar você a entender melhor ainda este mercado de um desenhista.

Espero que tenho te ajudado a esclarecer algumas coisas sobre o mercado de um desenhista.

portalSe você deseja aprender a desenhar ou evoluir ainda mais seus desenhos, mesmo se não for para seguir está carreira, você pode conhecer o curso Online Aprenda a desenhar do Zero.

O curso ensina como desenhar, desde técnicas, traços, sombras ou de animais, pessoas…

Afinal, desenhar é muito bom!!! Desenho por desenho ver a evolução, aquele resultado final que achasse que não ias conseguir fazer. É ótimo…

Clique no link abaixo para você conhecer o curso:

Conhecer o Curso!

Bons desenhos!!! Até a próxima…

Conhecer o Curso!

 


Aprenda a desenhar e Fique Atualizado!

Insira seu email para recerber o Mini Curso Aprenda
a Desenhar do Zero
e fique atualizado aqui no blog!

Também ODEIO SPAM, fique tranquilo!

1 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 1 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>